Segunda-Feira, 20 de Maio de 2024

Notícias

Terça-Feira, 23 de Abril de 2024 15:15

MT: Polícia prende marido e cunhado de mulher que invadiu casa armada com o filho e atirou e matou 2 idosos

O marido de Ines Gemilaki, identificado como Marcio Ferreira Gonçalves, de 45 anos, foi preso em flagrante pela Polícia Civil nesta terça-feira (23), em Alta Floresta, a 800 km de Cuiabá. Ele era procurado desde a tarde de domingo (21), após aparecer em vídeo do assassinato de dois idosos em uma casa de Peixoto de Azevedo, a 692 km de Cuiabá. O irmão dele, Eder Gonçalves Rodrigues, que confessou participação no duplo homicídio, também foi preso.

Marcio já era investigado por ajudar Ines e o filho dela, o médico Bruno Gemilaki Dal Poz, de 28 anos a fugirem do local do crime em uma caminhonete. Agora, a polícia constatou que o irmão dele também teve participação nos assassinatos.

 

 

Mãe e filho seguem foragidos. A advogada de defesa da família informou que os dois devem se entregar à polícia.

 

 

Segundo a polícia, após as prisões, o irmão de Márcio confessou a participação no crime, dizendo ser a pessoa que entrou na residência com Ines e Bruno. Durante a execução do crime, Márcio ficou na caminhonete do lado de fora da casa, aguardando para dar fuga aos comparsas.

“Com as prisões foi possível identificar um quarto envolvido no crime, até então desconhecido, uma vez que acreditávamos que o homem de camiseta preta que entrou na casa e efetuou os disparos era o Márcio, marido e padrasto dos outros dois autores do crime”, disse a delegada Anna Marien, responsável pelas investigações.

Nas imagens de câmera de segurança, Ines, que aparece de blusa azul, estava com uma pistola, e Bruno, de branco, estava com uma espingarda calibre 12. Eder Gonçalves apareceu saindo da casa, vestido de preto. Ele não aparentava estar armado e, no vídeo, caminhou em direção à caminhonete, usada na fuga.

A polícia informou que a mulher que atirou havia registrado um boletim de ocorrência por ameaça contra a família das vítimas, horas antes do crime. O alvo dos atiradores, segundo a delegada, era o proprietário da casa, mas ele não foi atingido.

 

Marcio Ferreira Gonçalves, de 45 anos — Foto: Reprodução

 

 

À esquerda, mãe e filho armados e, à direito, o irmão do marido de Ines em direção ao carro usado na fuga — Foto: Reprodução

 

 

Entenda o caso

 

 

Nas imagens da câmera de segurança, é possível ver a mulher dentro da casa atirando, enquanto o filho está no quintal e também efetua disparos, segundo a polícia.

Pelo menos 8 pessoas estavam reunidas no local invadido. Além dos dois mortos, identificados como Pilson Pereira da Silva, de 69 anos, e Rui Luiz Bogo, de 81 anos, um padre que estava no imóvel ficou ferido.

Ainda segundo a polícia, a suspeita é de que a motivação do crime seja um desacordo comercial envolvendo pagamentos de aluguel da casa invadida. A Polícia Civil investiga o crime.

{{countcoment}} COMENTÁRIOS

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie. Leia as perguntas mais frequentes para saber o que é impróprio ou ilegal.
{{car.nome}}
{{car.comentario}}
{{car.mais}}
{{car.menos}}