Terça-Feira, 27 de Fevereiro de 2024

Notícias

Segunda-Feira, 07 de Agosto de 2023 13:45

Bebê de 4 meses morre por falta de UTI em Sinop; Menina ainda passou por Sorriso

Uma bebê de quatro meses morreu na madrugada desta segunda-feira (7), na Santa Casa de Cuiabá, após esperar por mais de 15 dias por uma vaga de Unidade de Terapita Intensiva (UTI) Neonatal.

Segundo o pai da criança, a bebê foi diagnosticada com uma doença no intestino após dar entrada em uma Unidade de Pronto Atendimento (UPA) de Sinop, no norte do estado, no mês passado. Em seguida, ela foi encaminhada ao Hospital Regional de Sorriso, a 420 km da capital, mas, ao chegar no local, não havia vaga de UTI, necessária para o tratamento.

A bebê contraiu uma bactéria e foi transferida para a Santa Casa de Cuiabá, onde ficou até a madrugada de ontem, quando não resistiu e morreu — Foto: TVCA/Reprodução

A bebê contraiu uma bactéria e foi transferida para a Santa Casa de Cuiabá, onde ficou até a madrugada de ontem, quando não resistiu e morreu — Foto: TVCA/Reprodução

Devido às internações, a bebê contraiu uma bactéria e precisou ser transferida para a Santa Casa de Cuiabá, onde ficou até a madrugada desta segunda-feira.

De acordo com os pais da criança, eles foram informados que a ASanta Casa não podia fornecer nenhum tipo de apoio para retirar o corpo da bebê do local.

A Secretaria Estadual de Saúde informou que o Hospital Estadual Santa Casa segue o protocolo regular, que é o de comunicar e orientar os pais ou responsáveis, mas não disse qual seria o prazo e se havia algum tipo de apoio dado à família nesse momento.

Sobre o prazo para que os leitos de UTIs infantis sejam colocados em funcionamento em Sinop, a secretaria respondeu que está “tomando todas as providências estabelecidas pela última decisão do Tribunal de Contas do estado, para que os leitos pediátricos sejam disponibilizados o quanto antes no Hospital Regional de Sinop”.

A bebê foi sepultada na manhã desta segunda-feira (7).

Fonte: G1MT

{{countcoment}} COMENTÁRIOS

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie. Leia as perguntas mais frequentes para saber o que é impróprio ou ilegal.
{{car.nome}}
{{car.comentario}}
{{car.mais}}
{{car.menos}}