Enquanto a cor da pele for mais importante que o brilho dos olhos, haverá guerra. Bob Marley
Mundo |
Policiais da Drrfv prendem três e desmancham quadrilha de roubos de carros de luxo
07 de Abril, 2018
Esta matéria tem:

NO XILINDRÓ -  Uma quadrilha envolvida em crimes de roubo, receptação e adulteração de veículos foi desarticulada com a prisão de três de seus integrantes, em ação da Delegacia de Repressão a Roubos e Furtos de Veículos (DERRFV), da Polícia Judiciária Civil (PJC)  realizada na quinta-feira (05.04). O trabalho resultou na recuperação de uma caminhonete Volkswagem Amarok, roubada na noite de terça-feira (03.04), no bairro Praerinho, em Cuiabá.

Entre os presos estão Diogo Fernandes Dias,19, Ramon Henrique de Carvalho, 21, e João Batista Mota Junior, 35, conhecido como “João Gordo” ou “JB”.  Ramon é apontado como um dos autores do roubo e Diogo tinha a responsabilidade de levar o veículo até o destinatário final em Tangará da Serral.

O suspeito João Batista foi preso em fevereiro deste ano pela equipe da DERRFVA, em posse de dois veículos roubados e estava em liberdade condicional mediante uso de tornozeleira. Segundo o delegado Marcelo Martins Torhacs, além de ter participação efetiva em todo procedimento, ele seria responsável por cooptar os jovens para as condutas criminosas.

A prisão dos suspeitos aconteceu durante investigações do roubo da caminhonete. Durante as diligências, os policiais da DERRFVA receberam informações de que o veículo estaria em posse de um jovem no bairro Canjica. Diante da denúncia, os policiais foram até a região, onde realizaram a abordagem do suspeito Diogo.

Questionado, ele apresentou a documentação do veículo, porém durante checagem do chassi, foi constatado a incompatibilidade, se tratando de documento falso. No interior da caminhonete, foram encontradas as placas verdadeiras do veículo, ficando confirmado ser produto do roubo, ocorrido no dia 03 de abril.

Diante do flagrante, o suspeito informou que foi contratado por João Batista para levar caminhonete para Tangará da Serra e receberia R$ 500 pelo serviço. Em continuidade as diligências, os policiais seguiram até o bairro Araés, onde realizaram a prisão do suspeito Ramon, primo de Diogo, que foi reconhecido pela vítima como um dos autores do roubo. Por fim, os investigadores foram até a residência de João Batista, realizando a sua condução à delegacia.

De acordo com o delegado, Marcelo Martins Torhacs, os suspeitos integram uma quadrilha envolvida em roubos, furtos, descaracterizações de veículos e falsificação de documentos. “A ação do grupo objetiva abastecer o mercado espúrio de veículos produtos de crimes, denominado 'finan'. Ficando claro, que a quadrilha não trata de automóveis cujo financiamento foi frustrado e houve alienação do produto, mas recebe, descaracteriza, e aliena veículos roubados”, explicou o delegado.

Após serem interrogados, João Batista e Diogo foram autuados em flagrante pelos crimes de associação criminosa, receptação, adulteração de sinal identificador de veículo e uso de documento falso. Ramon responderá pelos crimes de associação criminosa, roubo majorado e adulteração de sinal de veículo automotor.

O delegado representou pela conversão da prisão em flagrante em preventiva, sendo os suspeitos encaminhados para audiência de custódia na Capital.

 

Fonte:24 horas news
+ FOTOS DESTA NOTICIA
  COMENTARIOS
  Deixe seu comentario nesta noticia:
CAPTCHA code
PATROCINADORESCLICNOTICIAS